Oncoguia

Pesquisa no site:

Pesquisa no site:

RSS

A- A+

Patrocínio

Após pedido no Twitter, rapaz com câncer tem despesas hospitalares pagas

Equipe Oncoguia

Última atualização: 21/08/2012

Um paciente com câncer fez um pedido de ajuda via Twitter e conseguiu sensibilizar a diretoria de seu plano de saúde nos Estados Unidos. Arijit Guha, de 31 anos, não tinha condições financeiras de bancar o tratamento para doença e enviou uma mensagem para o CEO da Aetna - plano de saúde de Guha - pedindo ajuda. E não é que deu certo? Mark Bertolini, diretor-executivo da empresa, conversou com ele durante dois dias e garantiu que “vai cobrir cada centavo” das contas médicas do rapaz.
 
Paciente com câncer foi ajudado graças à Internet (Foto: Reprodução) (Foto: Paciente com câncer foi ajudado graças à Internet (Foto: Reprodução))  Paciente com câncer foi ajudado graças à Internet (Foto: Reprodução)

O caso, é claro, chamou a atenção da mídia. De acordo com a ABC News, Guha pagava US$ 400 (pouco mais de R$ 800) por mês em seu plano de saúde. Porém, depois de ser diagnosticado com câncer no ano passado, suas despesas aumentaram muito – superando o limite de US$ 300 mil (mais de R$ 600 mil) de gastos cobertos pelo plano. Por isso, ele perdeu o direito de usá-lo para continuar se tratando. O rapaz foi entrevistado pelo canal de televisão norte-americano e não escondeu o alívio após a decisão do CEO da empresa. “Estou muito grato e ainda em choque, tentando entender o que acabou de acontecer. É um grande alívio”, disse.

O jovem realizou a campanha Poop Strong - semelhante à Livestrong do ciclista Lance Armstrong - que já arrecadou cerca de US$ 120 mil (pouco mais de R$ 240 mil) na web. Guha vem reagindo bem ao tratamento, que já se encontra em um estágio avançado. Assim, o deve utilizar o dinheiro que ganhou com a campanha online para ajudar projetos de caridade que tratam de outras pessoas com a mesma doença.
 
 
Fonte: G1


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003-2009 Oncoguia. Todos os Direitos Reservados. desenvolvido por Lookmysite