Oncoguia

Pesquisa no site:

Pesquisa no site:

RSS

A- A+

Patrocínio

Marcadores Tumorais do Câncer de Ovário

Equipe Oncoguia

Última atualização: 06/10/2011

O marcador tumoral do câncer de ovário é principalmente o CA125. 

     CA125 - é uma proteína produzida pelas células ovarianas. Ele é um marcador tumoral largamente utilizado em câncer de ovário. Embora o teste não seja sensível ou específico o suficiente para ser utilizado para rastreamento, ele é bastante importante na época do diagnóstico, quando analisado em conjunto com ultra-som e exame pélvico. Durante o tratamento, testes seriados dos níveis de CA 125 podem detectar algum câncer remanescente ou se o câncer retornou. É importante lembrar que o CA 125 normal ou negativo não garante a ausência de câncer.

Portanto, o CA 125 é o marcador tumoral utilizado principalmente para câncer de ovário, mas é útil também para câncer de endométrio e endometriose.

O valor de referência é de 35 U/ml, podendo ser considerado 65 U/ml quando o objetivo é uma maior especificidade. A sensibilidade para o diagnóstico de câncer de ovário é de 80 a 85% no tipo epitelial variando de acordo com o estadiamento.

As principais indicações do CA 125 são:

• Diferenciação pré-operatória de massas pélvicas;
• Avaliação prognóstica;
• Avaliação do sucesso cirúrgico;
• Monitoração de terapêutica.

Muitos estudos têm utilizado o Ca 125 associado ao exame pélvico e ultra-som em triagem de câncer de ovário, com boas perspectivas. O CA 125 pode ser utilizado no seguimento de outras patologias ginecológicas: 

     Endometriose - o grau de elevação do CA 125 varia com o grau da doença. Os níveis séricos relacionam-se ao curso clínico da doença e ocorre uma queda significativa após o tratamento clínico ou cirúrgico. 

     Câncer de endométrio - há aumento de CA 125 em 22,4% dos casos nos estadios I e II e em 81,8%, nos estadios III e IV. A elevação pré-operatória geralmente indica acometimento extra-uterino, isto é, pode ser usado como indicador de malignidade somado aos fatores de risco clássicos como: tipo histológico, diferenciação do tumor, invasão do miométrio e invasão vascular.

Valores elevados de CA 125 podem ser observados em cerca de 20% das gestantes, principalmente no primeiro trimestre de gestação. Há também elevação dos níveis de CA 125 durante o período menstrual, mas dificilmente ultrapassam os valores de referência. Tumores de pâncreas, mama, estômago, reto, fígado, cólon e pulmão ou ainda cirrose hepática podem elevar o CA 125.


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003-2009 Oncoguia. Todos os Direitos Reservados. desenvolvido por Lookmysite